HomeAéreoGOL terá tarifa para quem não despachar bagagem

GOL terá tarifa para quem não despachar bagagem

GOL terá tarifa para quem não despachar bagagem

Mais econômica, a Light permite que o passageiro viaje apenas com a mala de mão que, agora, pode ter até 10KG

Por Redação

A GOL irá disponibilizar em seus canais de vendas uma nova tarifa mais econômica, chamada Light, para quem não precisar despachar bagagens. Assim, os clientes da companhia poderão escolher a melhor opção para a sua viagem. As atuais tarifas Programada e Flexível continuam a incluir, sem custo, uma bagagem de até 23kg; e a classe GOL Premium, disponível apenas nos voos internacionais, dois volumes do mesmo peso. Além disso, a bordo, já é possível viajar com uma mala de até 10Kg, independente do bilhete adquirido.

Nesse momento, a GOL está trabalhando para adequar os processos e sistemas, além de realizar treinamento de suas equipes para garantir o melhor atendimento na implementação deste novo modelo, que estará disponível para bilhetes emitidos a partir de 20 de junho. Deste modo, os passageiros também terão tempo para se familiarizar com as novidades.

Gol Premium (Disponível apenas para voos internacionais) – 1ª e 2ª bagagens de até 23kg (cada) gratuitas

Flexível e Programada – 1ª bagagem de até 23kg gratuita

Light (Tarifa mais econômica) – Sem bagagem gratuita

Despacho de bagagem

Caso o cliente que adquiriu o bilhete da tarifa Light, após a compra, tome a decisão de despachar bagagem, esse serviço poderá ser contratado à parte, e haverá um desconto para aquisição nos canais de autoatendimento, como site www.voegol.com.br, aplicativo e totem. Nos voos nacionais, o valor para despachar uma mala de até 23kg será de R$30, quando adquirida nos canais de autoatendimento e nas agências de viagens; ou R$60 no balcão de check-in. Nos voos internacionais, o valor será equivalente a US$ 10 no autoatendimento e agências de viagens, e US$ 20 no balcão. Além disso, o excesso de peso, hoje calculado de acordo com a tarifa cheia do voo, será mais econômica e de fácil entendimento. O cliente pagará apenas por cada quilo adicional que custará R$12 nos voos domésticos e o equivalente a US$4 nos internacionais.

Receba recomendações de viagem exclusivas toda semana no seu e-mail

Compartilhar: